PLC 122, Kit Gay, Homofobia e Ódio Cristão: Rumo ao declínio da constituição brasileira.

https://cotidianocriticado.files.wordpress.com/2011/05/biblia.jpg?w=300

Já faz algum tempo que tenho vontade de escrever sobre:

  1. Projeto de Lei da Câmara 122 (PLC 122)
  2. Kit Gay
  3. Homossexualismo vs Religião

O Projeto de Lei da Câmara nº 122 (PLC 122) veio para tentar acabar com a homofobia, que é o preconceito e discriminação contra os LGBT, mas intrinsecamente já existe um grande problema, que veremos daqui a pouco.

O que dizer sobre o Kit Gay? Basicamente, ele é um conjunto de materiais que supostamente pretendem exibir nas escolas para uma educação anti-homofobia. Porém, os vídeos contidos nesses kits e o kit em si mostrou ser perigoso (influenciador) para exibição.

Por que ser contra o Kit Gay? Primeiramente, porque devemos ter cautela com o que entra na educação do país. Aparentemente o alvo do kit é o ensino médio (updade: existe um escândalo por trás disso tudo! segundo a revista veja, o ministro da educação mentiu ao dizer que o alvo era o ensino médio sendo na verdade o alvo também crianças de 11 anos), mas isso não retira o peso que esse material pode causar! No máximo diminui.

Voltando ao PLC 122, devo comentar que ele vem de forma esperta tentando entrar na lei do racismo/preconceito, o que acaba facilitando o apelo à emoção para a aprovação do mesmo.

Talvez você pergunte — Mas como assim? O que tem de ruim em uma lei que prenderá os preconceituosos e discriminadores?

Eu respondo. Ao contrário da atual lei contra o racismo (Lei nº 7.716), esse projeto de lei criminaliza até mesmo a opinião contra o homossexualismo, que é comportamental, logo está em outro patamar. (Raça e cor = genética)

§ 5º O disposto neste artigo envolve a prática de qualquer tipo de ação violenta, constrangedora, intimidatória ou vexatória, de ordem moral, ética, filosófica ou psicológica; (NR)”

Isso vai diretamente contra o artigo 5º da constituição, tentando bloquear a liberdade de expressão em prol do comportamento homossexual. Isso é definitivamente uma ABERRAÇÃO para a constituição. Todos somos iguais perante a lei.

Foi agredido? Denuncie, você tem o direito. Foi ofendido? Oras, denuncie também! Danos morais! Quer exemplos de como funciona?

Esse vídeo e essas imagens mostram que a lei que existe é autossuficiente para a defesa do ser humano, não importando raça, religião, cor ou opção sexual. Alias, o artigo 5º soa como poesia!

Agora, voltemos ao PLC 122.

Um exemplo de consequência caso o PLC seja aprovado é o da afetividade em uma igreja. Com o PLC 122 aprovado, o artigo 8º-A permite que se por exemplo, por questão de princípios, a afetividade de gays for impedida por alguém em uma igreja, essa pessoa que impediu deverá cumprir de dois a cinco anos de reclusão.

Agora veja o que o coordenador do Programa Rio sem Homofobia tem a dizer sobre isso (dos 1:55 aos 2:15):

Observe que ele fala como se realmente falasse por todos, mas não é a realidade. A lei é algo sério e as coisas não são resolvidas da maneira “Mas não queremos fazer isso, ninguém vai fazer isso.”

Como a intenção do artigo é mostrar tudo de forma clara e objetiva, vejam nas imagens a seguir que o que eu estou discutindo e falando que poderá acontecer, na verdade faz pouco tempo que JÁ ACONTECEU.

Pois é. Isso foi nas escadarias de uma igreja católica na hora da realização de uma missa. Respeito? Passou longe.

Vocês cristãos pregam tanto o amor, mas e quanto ao homossexualismo? Porque tanto ódio?”

Você encontrará essa pergunta provavelmente em 99% dos debates entre homossexuais e cristãos, mas teria ela algum sentido? É uma questão relevante?

De modo algum. Essa pergunta (falaciosa) pressupõe que nós, cristãos, odiamos os homossexuais por sermos contra o homossexualismo. É lógico que isso não passa de um engano ou até mesmo falta de intelecto.

O meu mandamento é este: Que vos ameis uns aos outros, assim como eu vos amei. João 15:12

Uma coisa é certa: Sim, nós pregamos o amor. Jesus não morreu apenas por cristãos. Muito pelo contrário! Mesmo sabendo de nossos pecados, ele morreu por todos nós; e isso inclui toda a sociedade LGBT, mas cuidado!

Assim como Deus afirma nos amar, ele afirma que devemos seguir seus mandamentos — todos em direção à uma vida eterna de amor e comunhão. Em diversas passagens na Bíblia descobrimos que o relacionamento afetivo entre pessoas do mesmos sexo é para Deus errado e abominável.

Como a própria bíblia diz em 1 Coríntios 10:13, Deus não permitirá vir tentações sobre nós que não possamos suportar e ainda nos dará uma saída. A ciência só admite a existência de dois sexos para nós, seres humanos: Masculino/Homens e Feminino/Mulheres. Ou seja, homossexualismo é comportamental.

Você escolhe a vida que quer viver; assim como escolhe com quem se relacionar e com quem não. Você tem a opção de largar tudo e entregar seu fardo a Deus, Salmos 55:22. Existem diversos casos de ex-homossexuais que sempre souberam do pecado que cometiam e entregaram suas vidas a Deus.

Concluindo, o amor não deve fazer distinção de pessoas! Eu devo amar um homossexual da mesma forma que amo um heterossexual. Porém, de forma nenhuma segue que eu devo aceitar seu comportamento! Pelo contrário, já que eu o amo e sou cristão, devo querer que ele se salve. 🙂

Que oremos para que a justiça continue reinando na nossa nação. 😉

PLC 122/06 em PDF na íntegra: http://migre.me/4F9Cz

Abaixo-assinado contra o PLC 122: http://migre.me/4F9FE